Quinta-feira
16 de Agosto de 2018 - 

Acompanhe seu procecsso.

Solicite sua senha através do e-mail: wendelleloy@gmail.com

Notícias

Newsletter

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,74 3,74
EURO 4,37 4,37
PESO (ARG) 0,15 0,15

Previsão do tempo

Domingo - Teresina, PI

Máx
35ºC
Min
22ºC
Poss. de Panc. de Ch

Segunda-feira - Teresina, ...

Máx
31ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva

Terça-feira - Teresina, P...

Máx
32ºC
Min
23ºC
Pancadas de Chuva

TST julga dissídio coletivo da ECT nesta segunda-feira (12) com transmissão ao vivo

A Seção Especializada em Dissídios Coletivos (SDC) do Tribunal Superior do Trabalho julga nesta segunda-feira (12), a partir das 13h30, o dissídio coletivo ajuizado pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) contra persas entidades sindicais representantes de seus empregados. A sessão será transmitida ao vivo pelo Portal do TST e pelo canal do TST no YouTube. O tema central do julgamento é o custeio e a gestão do Postal Saúde – Caixa de Assistência e Saúde dos Empregados dos Correios. A ECT sustenta que não tem mais condições de custear o benefício para os empregados, dependentes, cônjuges e pais nos termos do acordo coletivo vigente até 31/7/2018. O caso veio ao TST em meados de 2017. A mediação entre a empresa e seus empregados foi conduzida pelo então vice-presidente do TST, ministro Emmanoel Pereira, que apresentou proposta elaborada com a assessoria dos gestores dos planos de saúde do TST e do Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (DF/TO). Como não houve acordo, o caso foi encaminhado à SDC para julgamento. O relator sorteado foi o ministro Aloysio Corrêa da Veiga, que, em fevereiro, convocou os Correios e as entidades sindicais para mais uma tentativa de conciliação. Diante de novo impasse, o processo foi incluído na pauta da sessão da SDC desta segunda-feira. (Secom/CEIM/TST) Leia mais: 23/2/2018 - Ministro Aloysio Corrêa da Veiga apresenta proposta sobre plano de saúde da ECT Processo: DC-1000295-05.2017.5.00.0000
12/03/2018 (00:00)
Visitas no site:  16643
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia